sábado, 5 de março de 2011

Serpente do mar



Uma serpente marinha, ilustração do livro History of Northern Peoples, de Olaus Magnus, 1555


A serpente marinha de Gloucester, caso ocorrido em 1817. A ilustração pertence ao livro Monsters of the Sea, de R. Ellis.


Em 1555, Olaus Magnus, no livro History of The Northern Peoples, escreveu sobre uma serpente marinha que apareceu na Noruega: "Marinheiros que percorrem a costa norueguesa, pescadores e comerciantes, todos contam história semelhante, sobre uma serpente gigante, aterrorizante - 60 metros de comprimento por 6 m de largura/diâmetro. Esta serpente habita os rochedos e cavernas de Bergen. Nas noites luminosas do verão, a serpente sai do seu esconderijo para devorar carneiros, ovelhas e porcos, ou avança mar adentro atrás de presas marinhas. Tem uma cabeleira no dorso, escamas negras e afiadas, olhos vermelhos flamejantes".

Animais gigantes de corpo alongado que se acredita viverem nos oceanos do mundo inteiro. São provavelmente os cryptids mais conhecidos e muitas teorias já foram criadas para explicar o que eles são, entre elas: mosassauros que escaparam da extinção, cobras marinhas gigantes, enguias gigantes, uma espécie de mamífero marinho alongado parente das baleias ou talvez das focas, etc...


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...